MULHERES DE ARAÇATIBA : oficina de capacitação traça referências culturais da comunidade quilombola.

Fotos Tom Boechat

Atividade dentro do programa “Mas, que arte cabe numa cidade” por intermédio da MODA: foram apontadas necessidades em que deveríamos aproveitar o que AS MULHERES DE ARAÇATIBA têm de especial – uma coleção  –  pensada através da exposição “URU-KU as disciplinas esquecidas”, em que se inscreve as referências: geográficas, históricas, estéticas e simbólicas desta comunidade sob a orientação da design de moda Gabriela Lima e o modelista Paulo Simões, numa coleção especial de vestuários. Fomentando a experimentação na área da moda e a aplicação dos conhecimentos desta área ao desenvolvimento de produtos para o mercado cultural.

 Não deixem  também de acessar o  documentário de Eliza Capai sobre as MULHERES AFRICANAS.  A proposta é excelente, apoiando o projeto ainda estamos incentivando que idéia  sejam bem vidas ao Brasil. Vale conferir  http://movere.me/exibeProjeto.do?id=12

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s